quarta-feira, 21 de outubro de 2009

Briga entre pais e filhos motiva 98% das fugas

Os conflitos familiares são os principais motivos apontados por especialistas para as fugas de crianças de adolescentes. As desavenças entre pais e filhos contribuem para que os jovens rompam os laços afetivos e saiam de casa a procura de uma nova identidade. A professora do departamento de psicologia da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Luciana Karine de Souza, explica que embora não seja uma atitude correta, a fuga dos jovens normalmente é uma reação de proteção contra o conflito familiar. Segundo a professora, alguns jovens acabam entrando para o tráfico de drogas ou escolhendo a violência como válvula de escape. Ao todo, 1.055 pessoas desapareceram em Minas em 2008. Neste ano, até o dia 1º de outubro, foram registrados 1.094 casos. Desse total, 436 envolveram crianças e adolescentes.
Promessa - O conflito familiar também motivou uma história inusitada em São Paulo. Um menino de 11 anos viajou embaixo de um ônibus de Sales, em São Paulo, até Aparecida. O garoto voltou para casa ontem. Ele enfrentou nove horas e 550 km de estrada para pagar uma promessa a Nossa Senhora Aparecida para que os pais parassem de brigar.
(O Tempo, p.16 - Andréa Silva, 20/10/2009)
Postar um comentário

Pesquisa Google

Google